Ex-secretário de Saúde do RJ Carlos Alberto Chaves morre de Covid

O ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro Carlos Alberto Chaves morreu nesta sexta-feira (20) vítima da Covid-19. Ele foi o quarto gestor da pasta desde o início da pandemia, ficando à frente da Saúde estadual entre setembro de 2020 e maio deste ano.

Segundo as primeiras informações, o ex-chefe da pasta estava internado no Hospital Naval Marcílio Dias, no Lins de Vasconcellos, Zona Norte. Chaves chegou a informar a jornalistas, em 12 de julho deste ano, por aplicativo de mensagens, que havia testado positivo para Covid.

Acrescentou, ainda, que estava em isolamento e sendo supervisionado no Marcílio Dias. O ex-secretário também relatou quais haviam sido os primeiros sintomas: cansaço e broncoespasmo, mas segundo ele sem febre ou outras complicações.

A TV Globo apurou que o Palácio Guanabara irá decretar luto oficial de três dias pela morte de Chaves.

Nomeação

Chaves foi nomeado para a secretaria em 25 de setembro do ano passado por Cláudio Castro, quando este ainda era governador em exercício do estado. Após oito meses como chefe da Saúde, o ex-secretário seria sucedido por Alexandre Chieppe – o atual secretário.

Depois que deixou o posto de secretário, Chaves passou a coordenar a captação de órgãos para transplantes no estado, até a data em que testou positivo para a doença.

Na mensagem enviada a jornalistas, o ex-secretário também disse que iria cumprir “todo o protocolo previsto pelo Ministério da Saúde”, inclusive o isolamento social de 14 dias.

G1*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *