Alerj cancela contrato com empresa de limpeza, contrata outra sem licitação e vizinhos dizem que dono é o mesmo

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) suspendeu o contrato da empresa que prestava serviço de limpeza na Casa e, sem licitação, contratou uma outra.

As firmas, no entanto, ficam lado a lado e são do mesmo dono, segundo vizinhos — como mostrou o RJ2 nesta quinta-feira (9).

Os funcionários demitidos pela empresa Laquix, que teve o contrato interrompido, foram recontratados pela Ambiental, que ganhou o contrato sem licitação. Um deles garante que o processo de demissão e de recontratação ocorreu no mesmo lugar.

“É no mesmo lugar da demissão de uma e contratação da outra”, disse por telefone.

A Laquix recebia R$ 300 mil mensais do Legislativo e já havia sido investigada pela Polícia Civil. Os agentes apuravam se a empresa é, na verdade, a Locanty que foi alvo de diversas denúncias de corrupção e irregularidade em licitações, como mostrou o Fantástico em 2012.

O dono da empresa era João Alberto Felippo Barreto, o João da Locanty. Fontes ouvidas pela reportagem afirmaram que ele continua dirigindo os negócios da empresa.

Em 11 de abril, a Alerj contratou a Ambiental Service Limpeza e Conservação por 180 dias. O galpão onde a empresa deveria funcionar está vazio e fica a 60 passos da Laquix. O novo sócio, Bruno Mesquita, foi casado com a filha de João da Locanty.

Um funcionário da Laquix ouvido pelo RJ2 negou que lá funcione a Ambiental.

O que diz a Alerj

A Alerj informou que a empresa atual presta serviços para vários órgãos públicos como o Tribunal de Contas do Estado e o Tribunal de Justiça e tem regularidade jurídica e fiscal.

Ainda de acordo com a Alerj, no fim do mês haverá um pregão para contratação de uma nova empresa.

A reportagem do RJ2 procurou as empresas Laquix e Ambiental Service e o empresário João Alberto Barreto, mas não houve retorno.

Líderes do PSOL e do Novo na Casa disseram que vão cobrar explicações da Mesa Diretora, que endossou o contrato sem licitação.

G1*

De sua opinião