Polícia Federal faz operação contra suspeitos de ataques virtuais ao STF

A Polícia Federal cumpriu nesta quarta-feira (11) dois mandados de busca contra suspeitos de integrarem uma organização criminosa envolvida em ataques cibernéticos ao Supremo Tribunal Federal.

Os agentes apreenderam dispositivos eletrônicos dos suspeitos nos estados do Rio de Janeiro e do Ceará. Segundo a PF, todo o material será periciado.

Os mandados fazem parte da segunda fase da Operação Leet. Em junho, na primeira fase da operação, os policiais prenderem duas pessoas suspeitas de participarem da invasão virtual ao portal do STF.

A tentativa de invasão aconteceu em maio e tirou o site do STF do ar. À época, técnicos da corte informaram que não foram acessadas informações sigilosas nem houve sequestro do ambiente virtual, como aconteceu com o portal do Superior Tribunal de Justiça em 2020.

Os investigados responderão pelos crimes de invasão a dispositivo de informática e associação criminosa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *