15/06/2024
Política

Decreto de Castro dá a secretário de Segurança poder para nomear chefes das Polícias Civil e Militar

O Governador Cláudio Castro emitiu decreto nesta terça-feira (12), que vincula as secretarias de Polícia Civil e Militar à estrutura da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), recriada em 2023. Com esta medida, o secretário Victor Santos ganha autoridade para exonerar e nomear os líderes desses dois órgãos.

Entre as mudanças anunciadas, destaca-se a recriação da Subsecretaria de Inteligência na estrutura da Sesp. As secretarias de Polícia Civil e Militar, anteriormente autônomas, agora serão diretamente subordinadas à Sesp.

O Instituto de Segurança Pública (ISP), anteriormente subordinado à Secretaria da Casa Civil, passará novamente a estar sob a alçada da Segurança Pública. Além disso, o Fundo Estadual de Segurança Pública do Rio de Janeiro (Fusp) será gerido pelo Secretário Victor Santos.

Em entrevista à TV Globo, o governador Cláudio Castro explicou que, após a renstauração da Secretaria de Segurança Pública, era natural que houvesse um coordenador para a segurança do Estado. “O secretário não é a Rainha da Inglaterra. Quem comanda é a Secretaria de Segurança Pública”, afirmou Castro ao jornalista Edimilson Ávila.

Segundo informações apuradas pelo G1, os secretários da Polícia Militar, coronel Luiz Henrique Marinho Pires, e da Polícia Civil, Marcus Amim, planejam solicitar uma audiência com o governador.

Comente