Arquivo Público Municipal completa 20 anos com a presença do Prefeito Wladimir

O Prefeito Wladimir Garotinho participou, na manhã desta terça-feira (18), da cerimônia do 20º aniversário do Arquivo Público Municipal Waldir Pinto de Carvalho, instalado no Solar do Colégio, em Tócos, na Baixada Campista. Administrado pela Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL), o equipamento está entre os cinco melhores arquivos públicos do país e se transformou em referência para pesquisadores da região, de outros estados e do exterior, colocando Campos em destaque no campo da educação patrimonial.

A cerimônia foi realizada na capela dedicada a Santo Inácio de Loyola – patrono dos Jesuítas, construtores do solar, no século XVII – e Nossa Senhora da Conceição, e contou com a presença da presidente da FCJOL, Auxiliadora Freitas, da vice-presidente da FCJOL, Fernanda Campos, da coordenadora do Arquivo Público, Rafaela Machado, do presidente da Sociedade Artística Brasileira (Sabra), Márcio Miranda Pontes, e demais autoridades, entre elas, o presidente da Câmara de Vereadores de Campos, Fábio Ribeiro, e dos vereadores Maicon Cruz e Marcione da Farmácia.

“Vivemos, hoje, um dia histórico. O Solar do Colégio nos revela que Campos tem imenso potencial para o turismo cultural e, para superar a crise vivida no município, este será um caminho importante a ser trilhado, no pós-pandemia. Nossa rica história, presente em nossos casarões antigos, merece ser valorizada. Nossa meta é ampliar, através de parcerias, a capacidade do importante trabalho realizado no Arquivo Público”, ressaltou Wladimir.

A presidente da FCJOL, Auxiliadora Freitas, destacou a importância do trabalho da equipe que atua no Arquivo, catalogando e restaurando seus documentos. “Todos os funcionários, começando pela limpeza e chegando aos técnicos, merecem nosso aplauso, neste 18 de maio de 2021. Trata-se de um trabalho precioso de doação, de paciência, na recuperação de documentos importantíssimos, muitas vezes encontrados em ruínas. Todo esse patrimônio merece ser conhecido pela comunidade e essa será a nossa missão”, enfatizou.

A coordenadora do Arquivo, Rafaela Machado, que já atua no equipamento há 15 anos e, desde 2019, responde pelo mesmo falou sobre a importância do Solar para a cultura do município. “É impossível falar sobre o Arquivo sem falar sobre o Solar. Sempre digo que um dá vida ao outro. A celebração pelos 20 anos do Arquivo é um marco, não apenas do trabalho que foi feito até aqui, como também do que temos ainda por fazer”, disse.

Após os pronunciamentos, as autoridades ocuparam o pátio do Arquivo para a inauguração da placa marco-comemorativo dos 20 anos da criação do equipamento. Em seguida, no interior do Solar do Colégio, os convidados acompanharam o lançamento da exposição “Um Arquivo de histórias e memórias”, com peças do acervo e imagens que resumem suas duas décadas. O material estará, em breve, disponível em uma plataforma digital do Arquivo.

Em seguida, Wladimir Garotinho fez uma visita técnica ao acervo do Arquivo, conhecendo alguns documentos raros. Na sala em que os documentos são restaurados, o Prefeito conheceu, de perto, o trabalho de recuperação de importantes páginas da história de Campos, feito pelos técnicos do Arquivo, sob a gestão da FCJOL, produzindo um trabalho que é referência e que garantirá, nos próximos séculos, a perpetuação de partes importantes da história da maior cidade do interior do Estado.

Subcom*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *