Jornal O Globo é fake news de Eduardo Paes

No dia de ontem ficou claro que o jornal O Globo é fake news do ex-prefeito do Rio de Janeiro Eduardo da Costa Paes.

É que na corrida pelo governo do Estado do Rio de Janeiro tanto Paes quanto Garotinho tem liminar. Paes ficou inelegível por 8 anos juntamente com Pedro Paulo.

Conseguiu uma liminar no Tribunal Superior Eleitoral que suspendeu os efeitos da sua inelegibilidade. O mérito do recurso AI 170594 de Eduardo Paes ainda não foi julgado.

Realmente Garotinho teve o registro negado no TRE por um fundamento: decisão proferida pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro na Ação Civil Pública número 0002855-95.2010.8.19.0001. O acórdão de boca de urna foi publicado em 09/07/2018.

Contra a decisão do TRE Garotinho teve em seu favor um liminar deferida pelo eminente ministro Og Fernandes.

*TSE decide manter candidatura de Garotinho

Nesse ponto a fake news do Globo é trazer para o debate questões relacionadas a temas que não são objetos de impugnação da candidatura de Garotinho.

O Globo faz um libelo que nada mais nada é do que propaganda escancarada negativa contra a candidatura de Garotinho. E mais, sustentando fatos sabidamente inverídicos porque todos foram removidos pelo Supremo Tribunal Federal.

É um desrespeito ao eleitor que ele não tenha o direito de ter acesso a informação verídica a respeito dos candidatos ao governo do Rio.

Liminar por liminar Garotinho e Paes estão empatados na margem de erro.

É por isso que o Rio de Janeiro está no estado em que se encontra. Boa parte da mutilação do Estado se deve a família Marinho que é a principal dona da conta da publicidade do governo estadual.

Não se esqueçam: Cabral, que está atualmente preso, era lindo e maravilhoso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *