25/05/2024
Política

Prefeitura de Campos solicita a Águas do Paraíba informações sobre rompimento de adutora

Dique do Rio Paraíba do Sul cede e ‘engole’ carro em Campos dos Goytacazes. Foto: Leonardo Berenger/ Agência Berenger

A Defesa Civil Municipal de Campos solicitou para a concessionária Águas do Paraíba as informações referentes à ruptura da adutora de água na Avenida 15 de Novembro, quando houve o desabamento parcial do dique do rio Paraíba do Sul. A solicitação é um reforço do pedido que havia sido no dia 20, na coletiva de imprensa sobre o caso, para que estes dados pudessem ser avaliados pelo Gabinete Municipal de Gerenciamento de Crise (GMGC) e órgãos competentes, e serem repassados ao Ministério Público do Estado do Rio.

No Ofício Nº 0531/2022, o Secretário de Defesa Civil, coronel Alcemir Pascoutto, se reporta às declarações do Superintendente da Águas do Paraíba, Juscélio Azevedo de Souza, em coletiva de imprensa no dia 20 de dezembro, quando o diretor da concessionária afirmou que a sala de controle da empresa “registrou exatamente o momento do rompimento do dique da Avenida XV de Novembro, sinalizando uma queda de pressão de adutora que alimenta parte do Município”.

O Secretário Pascoutto, que é coordenador do Gabinete Municipal de Gerenciamento de Crise (GMGC), reforça que nessa ocasião da coletiva de imprensa no dia 20 “solicitou verbalmente para que fosse enviado esse registro, para avaliação dos órgãos competentes sobre as possíveis causas do colapso”, o que não ocorreu até esta terça-feira (27), impedindo que esses dados possam ser repassados a órgãos como o MPRJ.

Conforme o blog revelou em primeira mão na última sexta-feira, o Ministério Público abriu investigação para apurar as causas da queda do dique (aqui).

Alerj

Comente