16/06/2024
Política

Romário à frente na disputa ao Senado

O levantamento do instituto Real Time Big Data apresentou três cenários diferentes para a disputa ao Senado pelo Rio de Janeiro. No cenário com mais candidatos, Romário (PL) lidera, com 19%, seguido de Alessandro Molon (PSB), que tem 11%, do vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB), com 10%, de Cabo Daciolo (PROS), que tem 8% e de Washington Reis (MDB), com 6%, todos tecnicamente empatados na segunda posição.

Com 4%, André Ceciliano (PT) empata tecnicamente com Mourão, Daciolo e Reis, mas não alcança Molon. O nome do presidente da Alerj também foi testado para o governo do Rio, mas aparece com apenas 2% das intenções de voto.

O vice-presidente Hamilton Mourão já sinalizou que irá concorrer ao Senado pelo seu estado natal, o Rio Grande do Sul.

Cenário 1 para o Senado (com 6 candidatos): Romário (PL): 19% Alessandro Molon (PSB): 11% General Mourão (PRTB): 10% Cabo Daciolo (PROS): 8% Washington Reis (MDB): 6% André Ceciliano (PT): 4% Brancos e nulos: 24% Não sabe ou não respondeu: 18%.

Cenário 2 para o Senado (com 3 candidatos): Romário (PL): 25% Washington Reis (MDB): 9% André Ceciliano (PT): 7% Brancos e nulos: 28% Não sabe ou não respondeu: 31%.

Cenário 3 para o Senado (com 3 candidatos, sem Romário e Molon): General Mourão (PRTB): 20% Washington Reis (MDB): 11% André Ceciliano (PT): 10% Brancos e nulos: 30% Não sabe ou não respondeu: 29%.

O levantamento da Real Time Big Data, encomendado pela Record TV, foi realizado com 1.500 eleitores do estado do Rio de Janeiro entre 12 e 15 de março. O nível de confiança da pesquisa é de 95%.

Leia também: Freixo e Castro têm empate técnico em pesquisa ao governo do Rio

Comente