Auxilio Brasil: CRAS de Campos esclarece dúvidas dos usuários sobre o Auxílio Brasil

O Bolsa Família chega ao fim após 18 anos e o Governo Federal, através do Decreto 10.852 (8//11/21), regulamenta o Auxilio Brasil, que terá como porta de entrada o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico). A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social auxilia os beneficiários com informações através dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

Segundo a coordenadora do programa, Kamila Oliveira, o atendimento do Cadastro Único é realizado de segunda à sexta-feira, de 8h às 17h, nos 13 Centro de Referência da Assistência Social (Cras) administrados pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social.

“É importante ressaltar que, segundo o governo federal, as famílias que pertenciam ao Programa Bolsa Família vão migrar de forma automática para o Auxilio Brasil”, explica a coordenadora do programa.

O CadÚnico é a base de dados do Governo Federal onde estão registradas as informações socioeconômicas das famílias de baixa. Devem estar cadastradas as famílias de baixa renda que ganham até meio salário mínimo por pessoa ou que ganham até 3 salários mínimos de renda mensal total.

Os Cras estão distribuídos em 12 territórios: Chatuba, Matadouro, Jardim Carioca, Goitacazes, Morro do Coco, Codin, Custodópolis, Travessão, Parque Guarus, Ururai, Joquei e Penha.

Subcom*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *