Abrigos da Prefeitura de Campos terão que renovar frota de veículos por determinação judicial

A Justiça determinou na última segunda-feira (22) que a Prefeitura de Campos dos Goytacazes renove a frota de veículos usados para transportar os assistidos dos oito abrigos do município.

Na decisão, o município tem 60 dias para entregar a cada uma das oito unidades de acolhimento um veículo em boas condições de funcionamento. Além disso, a multa diária é de R$ 500 por criança ou adolescente acolhido.

De acordo com a Justiça, são cerca de 20 assistidos que devem ser atendidos por esses veículos.

Caso não haja cumprimento, a pena será o afastamento do prefeito, Rafael Diniz (PPS), e da presidente da Fundação Municipal da Infância e Juventude (FMIJ), Sana Gimenes, até que a ordem seja cumprida por quem os substituir.

No dia 1 de julho um veículo que transportava quatro assistidos da Casa do Pequeno Jornaleiro pegou fogo no Centro de Campos. Na ocasião, cinco crianças e três funcionários estavam no carro, mas ninguém ficou ferido.

No fim do ano passado, a Justiça já havia determinado que carros de outras secretarias e setores da Prefeitura fossem apreendidos para serem usados nos abrigos, mas os veículos também apresentaram problemas.

Procurada, a Prefeitura informou que já vem adotando as medidas necessárias para melhorar a frota que atende as unidades de acolhimento.

De acordo com o município, há uma licitação em andamento para a compra de oito carros novos, um para cada abrigo.

Segundo o município, até a finalização do processo licitatório, serão disponibilizados carros de outras secretarias e superintendências para atender as unidades.

G1*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *