Vacina contra Covid-19: SFI promove novo mutirão no próximo sábado (3) para moradores a partir de 50 anos

Após aplicar 1.219 doses no decorrer da última semana, São Francisco de Itabapoana (SFI) promoverá mais um mutirão de vacinação contra o novo coronavírus (Covid-19) no próximo sábado (3), no Ginásio Poliesportivo Florecilda Cerqueira de Azevedo, em Volta Redonda. Desta vez, o público-alvo serão moradores a partir de 50 anos.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o processo vai avançar devido a grande adesão dos moradores, que compareceram nos polos de Estratégia Saúde de Família e no Centro Municipal de Imunização (CMI). A meta do órgão para semana passada era de 1.000 aplicações da primeira dose, o que foi superado.

“Isso nos deixa felizes e confiantes de que com a colaboração de todos, vamos sair desta pandemia. A vacina é o principal meio para isso”, destacou a prefeita Francimara Barbosa Lemos. Ela lembrou que na primeira edição do mutirão mais de 800 pessoas receberam a primeira dose.

O secretário municipal de Saúde, Sebastião Campista, destacou que o município dará continuidade a vacinação dos grupos prioritários estabelecidos no Plano Nacional de Imunização do Ministério da Saúde (MS). Atualmente, estão sendo vacinados os Trabalhadores da Limpeza Urbana e Manejo de Resíduos Sólidos (100%), as gestantes e puérperas com e sem comorbidades, além das lactantes até 12 meses, conforme Resolução da Secretaria de Estado de Saúde (SES) nº 2.323, de 18 de junho de 2021.

Campista ressalta ainda que para receber o imunizante o munícipe precisa realizar o agendamento pelo CMI, através dos telefones (22) 99779-6044 ou 99806-9771, ou na Unidade de Saúde mais próxima de sua residência (Clínica da Família Germano Barros Delgado, no Centro; e Unidades Básicas de Saúde – UBS – de Barra do Itabapoana, Bom Lugar, Travessão de Barra, Praça João Pessoa, Guaxindiba, Gargaú, Imburi e Floresta).

“A opção por essa metodologia tem como objetivo principal a segurança e organização. Desde o início deste processo, a prefeitura tem pautado suas ações nas diretrizes estabelecidas pelo MS, pela SES e pelo Ministério Público Estadual. Este compromisso com as diretrizes legais, tem possibilitado o sucesso do trabalho” afirmou, pontuando que, em nenhum momento, vacinação foi paralisada em SFI por falta de doses.

AsCom SFI

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *