20/06/2024
Campos

Primeiro bloco da UFF Campos entregue à comunidade estudantil totalmente pronto

Obras foram reiniciadas em 2020 após liberação de emenda parlamentar liderada por Wladimir Garotinho enquanto deputado federal

Momento histórico para docentes, discentes e servidores em geral da Universidade Federal Fluminense (UFF) Campos, com entrega simbólica da primeira torre do novo prédio que, em 2024, vai abrigar a universidade. O prefeito Wladimir Garotinho e a primeira dama, Tassiana Oliveira, ao lado da diretora do campus local, Ana Costa, participaram da solenidade. O reitor geral da UFF, Antônio Cláudio Lucas da Nóbrega, e equipe se fizeram presentes de forma online, com transmissão ao vivo.

O prefeito relembra que tudo começou quando foi eleito deputado federal em 2018. “Eu venci a eleição e comecei a visitar instituições para saber como colocar meu mandato à disposição. Na UFF, o que mais foi falado era conseguir recurso de emenda de bancada para levantar as torres desse prédio, ainda no esqueleto. Reuni deputados de direita, esquerda, centro e montamos documento simbólico com R$ 25 milhões para início das obras, comprometido que, no ano seguinte, teria nova emenda de bancada para terminar o prédio. Como deputado cumpri meu papel e estou cumprindo como prefeito, sendo parceiro sempre da universidade pública. Quero agradecer à direção local, aos professores e alunos que nunca desistiram desse sonho”, afirmou Wladimir.

O reitor geral da UFF, Antônio Cláudio Lucas da Nóbrega, se referindo ao prefeito Wladimir, disse que “uma grande liderança faz parte dessa grande conquista histórica, de tantos desejos sonhados. Aproveito essa cerimônia singela de entrega oficial do bloco A e assinar o documento formal desse bloco e lutar que em março a gente inaugura as duas torres”.

A diretora do campus de Campos, Ana Costa, explicou que “há 15 anos houve a cessão do terreno e todo esse tempo foi de muita luta, de espera e até de momentos de decepção, mas tudo agora é coisa do passado. A retomada da obra aconteceu em 2020, sob liderança do então deputado Wladimir e de muita gente que não desistiu da realização do sonho de ver o prédio erguido. Ressaltar também a liderança do nosso reitor geral, Antônio Cláudio, do vice-diretor do campus Campos, Rodrigo Monteiro, além de professores, alunos, técnicos, entre outros que estiveram nessa luta coletiva”, disse Ana Costa.

ESTRUTURA – O novo campus consta de dois prédios de sete pavimentos cada, com total 80 salas, bibliotecas, auditório, laboratório e instalações para a administração. Os novos prédios devem abrigar cerca de cinco mil estudantes de cursos de graduação, pós-graduação, mestrado e Universidade da Terceira Idade (UNITI).

ENVOLVIDOS – A emenda parlamentar de bancada do estado do Rio de Janeiro, liderada por Wladimir Garotinho, foi assinada em 2020 pelos seguintes deputados federais: Alessandro Molon, Benedita da Silva, Clarissa Garotinho, Christino Aureo, Chico de Angelo, Jandira Feghali, Marcelo Freixo, Paulo Ramos, Flordelis dos Santos de Souza, Glauber Rocha, João Carlos Soares Gurgel, Márcio Labre e Talíria Petrone.

Secom*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *