Presidente da Alerj afirma que Witzel precisa esclarecer os contratos da primeira-dama

Em resposta a pronunciamento da deputada Rosane Felix (PSD) com críticas ao advogado do governador, Manoel Peixinho, que comparou a Alerj a um tribunal de exceção, o presidente André Ceciliano afirmou que os parlamentares não devem bater boca com a defesa. Mas, sim, cobrar do governador Wilson Witzel esclarecimentos sobre as acusações que lhe são imputadas.

– O governador, sim, é quem tem que dar satisfação sobre os contratos de sua esposa com empresas que prestam serviço para o Estado; sobre os hospitais de campanha que já se pagou mais de R$ 250 milhões; era um hospital, depois cinco, depois sete. E hoje temos apenas um com no máximo 160 leitos. A sociedade exige explicações para mais de R$ 1,6 bilhão de empenho. A gente não tem que bater boca com ninguém. Precisamos cobrar esclarecimentos e trabalhar para ajudar o Estado do Rio de Janeiro.

Site Agenda do Poder*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *