Prefeito Wladimir assina convênio com Asflucan para desobstrução dos canais

Um convênio entre a Prefeitura de Campos e a Associação Fluminense dos Plantadores de Cana (Asflucan) foi assinado, na noite desta segunda-feira (05), durante reunião de trabalho para debater demandas importantes do setor rural na região. Nesta parceria está a necessidade de limpeza emergencial da rede de canais obstruídos na Baixada Campista. Também na pauta está a necessidade de obtenção da licença definitiva da Usina Canabrava e a implantação de um novo processo de desenvolvimento do agronegócio, defendido pelo secretário de Agricultura e Pesca, Almy Junior.

O convênio foi assinado pelo prefeito Wladimir Garotinho, pelo presidente da Asflucan, Tito Inojosa e pelo Secretário da Defesa Civil, Alcemir Pascoutto. Nele está estabelecido que a Asflucan utilizará suas máquinas em apoio à Prefeitura nos serviços de desobstrução e de manutenção dos canais e, caberá à Prefeitura, por meio da Defesa Civil ceder o diesel para o funcionamento das máquinas da entidade, conforme esclareceu o Prefeito Wladimir.

Wladimir destacou o papel que o vice-prefeito Frederico Paes desempenha com o secretário de Agricultura, Almy Junior, para promover o desenvolvimento do setor agrícola em Campos. “Frederico Paes que é um grande conhecedor e entusiasta do setor rural e tem contribuído muito para solucionarmos questões que afetam o setor”.

Por sua vez, Frederico ressaltou que “o prefeito tem se preocupado com as questões que afetam o setor e tem se empenhado na busca do entendimento comum para elucidar entraves de forma a promover o desenvolvimento da agropecuária, que é um setor de vocação natural de Campos e que gera empregos e renda nas diversas atividades rurais. O prefeito formou uma equipe bem qualificada para promover o desenvolvimento agrícola, a começar por escolher o professor Almy, ex reitor da Uenf, que conhece muito do setor. Em função do empenho da equipe da Secretaria de Agricultura, posso dizer que vamos fazer em quatro anos o que jamais foi feito na Agricultura de Campos”, enfatizou Frederico Paes.

O presidente da Asflucan, Tito Inojosa, considera que a parceria assinada entre a Prefeitura e Asflucan é importante para o setor rural e moradores das áreas alagadiças na Baixada Campista. “Temos mais de 1.300 quilômetros de canais com a função de drenar água nas enchentes e aduzir água nas estiagem, mas estão muito assoreados e cheios de mato. Nós usamos a nossa long reach (draga de longa lança hidráulica), e o diesel que será dado pela Defesa Civil Municipal vai contribuir para que possamos avançar na malha de canais nos pontos mais críticos e evitarmos os riscos de tragédias em diversas localidades, como em Ururaí, nos casos de chuvas intensas”, assinalou Tito Inojosa.

USINA CANABRAVA – Wladimir esclareceu que foi até o Governo do Estado solicitar a retomada da Usina Canabrava. “Enquanto prefeito, sabedor da importância de uma usina para a geração de empregos e para a economia de Campos, eu não poderia ficar inerte em relação a suspensão das atividades da Usina Canabrava. Liguei para o governador Cláudio Castro e para o Secretário Estadual de Desenvolvimento Econômico, Vinicius Farah, e expliquei sobre a importância da retomada do funcionamento da usina para o emprego e para a economia. Hoje pela manhã tive a informação que o clamor das entidades do setor produtivo e que o nosso pedido foram atendidos. São pelo menos 1.500 empregos diretos assegurados e pelo menos mais dois ou três mil indiretos. Com isso, de acordo com a Asflucan, será evitado um prejuízo maior, pois durante a safra, a Canabrava gera riqueza na ordem de R$ 100 milhões”, destacou.

AUTORIDADES PRESENTES – Participaram do evento o vice-prefeito de São Francisco de Itabapoana, Raliston Souza, e o secretário de Agricultura do município, Enaldo Vieira Barreto. Raliston, além de dirigentes de entidades do setor rural, a exemplo do presidente do Sindicato Rural, Ronaldo Bartholomeu dos Santos, e vereadores de municípios agrícolas vizinhos. De Campos participaram os vereadores Juninho Virgílio, Bruno Pezão, Leon Gomes, Rogério Matoso e Kassiano Tavares, além do secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Marcelo Mérida.

Subcom*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *