Paes afirma que Rio pode deixar de exigir o uso de máscaras no dia 15 de outubro

A Prefeitura do Rio acredita que em 11 dias pode atingir os critérios para desobrigar o uso de máscaras para conter a disseminação da Covid – em locais abertos e sem aglomeração. A informação consta em ata de reunião do comitê científico, compartilhada pelo prefeito Eduardo Paes nesta segunda-feira (4).

Na publicação do prefeito no Twitter, Paes afirmou que administração municipal espera atingir a segunda etapa do plano de “afrouxamento” as medidas restritivas no dia 15 de outubro. A etapa, conforme consta no documento, prevê:

  • Permissão para realização de eventos em locais abertos, com restrição de público até 1 mil pessoas com uso de máscara obrigatório;
  • Abertura de danceterias, boates, casas de show e festas, em locais fechados somente para pessoas com esquema vacinal completo, e com 50% da capacidade;
  • Desobrigar o uso de máscaras em locais abertos sem aglomeração, mantendo sua utilização obrigatória onde não consiga se manter o distanciamento.

O texto da ata diz que as medidas acima só poderiam ser tomadas quando o Rio atingisse 65% da população com o esquema vacinal completo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *