MPRJ realiza operação para prender traficantes que atuam em Campos e SFI

Uma operação da Polícia Civil, com o apoio do Ministério Público do Rio de Janeiro e da Polícia Militar, contra o tráfico de droga em São Francisco de Itabapoana, no Norte Fluminense, busca cumprir 13 mandados de prisão e 15 de busca de apreensão contra criminosos da cidade.

Até as 10h desta quarta-feira (10), cinco pessoas já tinham sido presas durante a operação Sutura.

A operação dos policiais da 147ª DP também tem o objetivo de apreender dois veículos utilizados pelos traficantes que atuam no município.

A ação é desdobramento da Operação Torniquete, realizada em novembro do ano passado. Na época, foram cumpridos nove mandados de prisão contra traficantes que, mesmo na prisão, ordenaram a tomada de territórios em São Francisco de Itabapoana, resultando em homicídios e tentativas de homicídios na região.

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (GAECO/MPRJ), em conjunto com a Polícia Civil, realiza nesta quarta-feira (10/06) a Operação Sutura, para prender 13 indivíduos ligados ao tráfico de drogas na região de Campos dos Goytacazes e de São Francisco do Itabapoana, no Norte Fluminense. As diligências contam com apoio da Polícia Militar.

De acordo com o MPRJ, além da prática de tráfico de drogas, o grupo vinha agindo com extrema violência na região, praticando inúmeros homicídios envolvendo desafetos e até pessoas sem qualquer envolvimento com a criminalidade. A denúncia demonstra que eles atuavam com tanto destemor que divulgavam em redes sociais vídeos com armamentos, ameaças de morte a terceiros, entre outras ações. Parte desse material está disponível na denúncia.

Ainda segundo o MPRJ, perícia em celulares e outros materiais encontrados com integrantes do grupo que já foram presos permitiu verificar informações que demonstram de forma clara a participação de todos os denunciados no tráfico de drogas. Há, inclusive, diversas fotos e vídeos com armamentos e drogas, além de conversas tratando da venda de entorpecentes e de armamento.

Um dos denunciados, vulgo Buldogue, também acaba de ser denunciado por tentativa de homicídio. Os demais crimes contra a vida praticados pelo grupo seguem sob investigação. As denúncias foram recebidas pelo Juízo da Vara Única da Comarca de São Francisco de Itabapoana, com a decretação da prisão dos denunciados, busca e apreensão e apreensão de bens. Eles foram denunciados por tráfico e associação para o tráfico de drogas.

MPRJ*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *