Ex-prefeita Rosinha Garotinho é alvo da PF por suspeitas de irregularidades na PreviCampos - Tribuna NF

Ex-prefeita Rosinha Garotinho é alvo da PF por suspeitas de irregularidades na PreviCampos

Foto: arquivo

A ex-prefeita Rosinha Garotinho é alvo, nesta terça-feira (28), da Operação Rebote, da Polícia Federal (PF), contra uma suspeita de irregularidades na previdência municipal de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, base eleitoral dos Garotinho.

IPTU - Prefeitura de Campos dos Goytacazes

A PF investiga um rombo de R$ 383 milhões na PreviCampos. Segundo as investigações, no fim de 2016 a maior parte dos investimentos estava nas mãos de fundos suspeitos, de alto risco e com baixo retorno.

Agentes saíram para cumprir 18 mandados de busca e apreensão em Campos, na capital fluminense, em São Paulo e em Santos (SP).

Nota da defesa de Rosinha

“Os supostos fatos que “justificaram” a busca e apreensão na casa de Rosinha Garotinho teriam ocorridos cerca de dez anos atrás. Ou seja, a única explicação para o que aconteceu hoje na Lapa foi criar um constrangimento para a família, pois o fato é completamente atemporal. Não queremos acreditar que isso seja retaliação ou intimidação política.

Sobre a decisão, a única questão imputada a ex prefeita Rosinha é dela ter indicado pessoas sem qualificação técnica para a diretoria e conselho da PreviCampos.”, Rafael Faria – Advogado

Matéria em atualização*

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *