Desembargadora determina bloqueio de R$ 2,5 milhões da Prefeitura de Campos para pagamento à Santa Casa

A desembargadora Márcia Ferreira Alvarenga, da 17ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ), concedeu antecipação de tutela determinando o bloqueio nas contas bancárias da Prefeitura de Campos dos Goytacazes no montante de R$2.535.386,73. A decisão ocorreu em agravo de instrumento movido pela Santa Casa de Misericórdia, diante dos meses de atraso no repasse da complementação da tabela SUS que é a pago pela Prefeitura.

O agravo de instrumento foi movido após o juiz da 4ª Vara Cível de Campos, Rubens Soares de Sá Viana Junior, negar a antecipação de tutela.

Outros hospitais filantrópicos de Campos também estão com repasses atrasados, onde os funcionários entraram em estado de greve.

Leia a decisão: decisão Santa Casa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *