Vídeo: Bandidos sequestram helicóptero e obrigam piloto a ir até o Complexo de Bangu

Dois homens sequestraram um helicóptero particular após apontarem uma arma para o piloto e ordenarem que ele fizesse o trajeto até o Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio. A ação ocorreu na tarde deste domingo.

O piloto Adonis Lopes, que também é piloto da Polícia Civil, desde 1988, foi chamado para fazer uma viagem, a partir da Lagoa, mas desconfiou dos passageiros, já no ar. Rendido com uma arma, ele recebeu a ordem de ir até o complexo penitenciário, que fica localizado ao lado do 14ºBPM (Bangu).

Quando sobrevoava o batalhão, o piloto fez uma manobra para simular um queda, momento em que acionou o código 7.500 no transponder, que significa ‘interferência ilícita’ e transmitido, automaticamente, para todos os centros de controle aéreo. Simultâneo a essa ação, de acordo com agentes, Adonis entra em luta corporal com a dupla que, na iminência de queda da aeronave, o deixam pilotar. Ele, então, voa até Niterói e, os criminosos, fogem para uma região de mata.

O momento em que a aeronave faz essa simulação de queda foi filmado por policiais do 14ºBPM (Bangu), que estavam no pátio da unidade.

Em contato, a Secretaria de Administração Penitenciária confirmou que soube da ocorrência, mas que no conjunto prisional não há alterações. O caso foi encaminhado para a Draco (Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas).

Confira a nota enviada pela Polícia Civil:

“A Polícia Civil esclarece que dois passageiros contrataram um voo para Angra dos Reis pela manhã com retorno previsto para esta segunda-feira. No final da tarde informaram que voltariam hoje, como o piloto que fez o voo não estava se sentindo bem, solicitou ajuda de outro colega. Após a decolagem o piloto que substituiu o que passou mal foi rendido e avisado que deveria ir para o presídio de Bangu.

O Dia*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *