Universidade da Baixada Campista está com as obras aceleradas - Tribuna NF

Universidade da Baixada Campista está com as obras aceleradas

IPTU - Prefeitura de Campos dos Goytacazes

As obras da Universidade da Baixada Campista seguem a todo vapor. A unidade está sendo construída na localidade de Baixa Grande, por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Campos e Governo do Estado, em uma área de 5 mil metros quadrados, à margem da RJ-216 (Campos-Farol), onde funcionou uma fábrica de papel há cerca de 40 anos e uma fábrica de macarrão há 18 anos.

Vencidas as formalidades da burocracia que passou pela cessão da área pela Prefeitura e autorização da Câmara de Vereadores, e o processo licitatório para a construção, as obras foram iniciadas e seguem em ritmo acelerado para construção do Centro Regional Integrado de Pesquisa, Tecnologia e Inovação.

O prefeito Wladimir Garotinho tem destacado a importância do empreendimento para a educação e o ensino profissionalizante, com ênfase para a juventude.

“Tenho certeza que esta é uma daquelas obras que deixam o legado para uma vida inteira, pois vai trazer benefícios para todos nós. Em um mesmo espaço vamos ter um polo da Faetec, laboratórios de pesquisa voltada à agricultura e ensino superior à distância. A cidade ganha muito. A Baixada Campista, principalmente, já que aqui moram cerca de 70 mil pessoas e, ainda, temos a proximidade com o Porto de Açu. São oito polos em todo Estado do Rio e, graças ao nosso bom relacionamento com o Governo do Estado, conseguimos que um deles viesse para a nossa cidade, representando a região”, enfatiza o Prefeito Wladimir Garotinho.

Secom*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *