Repórter é ameaçado de morte por supostos criminosos ao vivo

Uma equipe da TV Record no Espírito Santo recebeu ameaças de supostos criminosos durante uma entrada ao vivo no “Cidade Alerta”, na noite desta quinta-feira. O repórter estava em Vitória, na Capital, em um bairro que havia sido palco de confrontos entre polícia e traficantes horas antes.

Quando o repórter estava relatando a ação, um carro encostou ao lado dele e os ocupantes do veículo disseram que iam “matar todo mundo” e mandaram a equipe desligar a câmera. Muito nervoso, o jornalista disse que a câmera seria desligada e a transmissão foi interrompida.

Os repórteres de telejornais da Record usaram branco nesta sexta-feira, em protesto ao ataque sofrido pelo colega. Em comunicado, a emissora disse que o repórter e a equipe estão bem e que as devidas providências estão sendo tomadas.

Fonte: O Dia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *