19/06/2024
Campos

Prefeitura de Campos lança “Mutirãozão da Saúde” na próxima segunda-feira

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, lança na próxima segunda-feira (16), o “Mutirãozão da Saúde”, que reunirá cinco serviços em um único mutirão. São eles: Mutirão de Exame de Imagem, Mutirão de Procedimentos Vasculares, Mutirão de Ultrassonografia, Mutirão de Exames Cardiológicos e Mutirão de Urologia. Até o dia 31 de janeiro de 2024, a secretaria de Saúde, através da Diretoria de Auditoria, Controle e Avaliação (DACA), vai disponibilizar quase 81 mil serviços para a realização dessa ação, que consiste na 7ª etapa do Mutirão da Saúde.

O lançamento da nova etapa ocorrerá às 9h, no anfiteatro da Faculdade de Medicina de Campos (FMC), com a presença do prefeito Wladimir Garotinho e autoridades de saúde. O secretário municipal de Saúde, Paulo Hirano, ressaltou que o novo mutirão é mais uma determinação do prefeito Wladimir Garotinho e do vice Frederico Paes, visando o cuidado com as pessoas.

“Estamos novamente num momento muito importante para nossa cidade. Há quase 2 anos estamos promovendo grandes mutirões e conseguido sanar os gargalos e as filas que, muitas vezes, se formam pela demanda excessiva de acesso e pela oferta, às vezes, menor. Com os mutirões, a gente equaliza isso”, disse o secretário.

A diretora da DACA, Bruna Araújo, explicou que a decisão de realizar o Super Mutirão se deu em função do novo fluxo de atendimento que está sendo implantado pelo Núcleo de Controle e Avaliação e a chegada de novos recursos conseguidos pelo prefeito Wladimir.

“A chegada desses recursos está nos permitindo ofertar os referidos serviços, para a redução do número de pessoas que estão na fila, aguardando pelos procedimentos”, disse Bruna, considerando positivo o saldo dos outros mutirões que vêm sendo desenvolvidos pelo atual governo desde 2021.

“Conseguimos reduzir o tempo de espera dos pacientes, identificando aqueles que já não tinham interesse em realizar o procedimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e, com isso, houve a ampliação da oferta de serviços baseados em necessidades específicas”, acrescentou Bruna.

O primeiro Mutirão da Saúde, lançado em novembro de 2021 pela Prefeitura, superou a meta proposta inicialmente pela secretaria de Saúde, que era a de realizar 40 mil procedimentos, entre exames especializados e cirurgias pelo SUS, alcançando 44.866 mil atendimentos. Na segunda etapa, todas as 6 mil vagas disponibilizadas para a realização dos exames de alta complexidade (tomografia e ressonância magnética) foram preenchidas.

Em agosto de 2022 foi lançado o Mutirão de Ortopedia, com a realização de 30 mil procedimentos, entre consultas, cirurgias e fisioterapia. A meta inicial era de 15.828 mil procedimentos. Já no Mutirão de Cabeça e Pescoço foram feitas 1.010 cirurgias e 1.608 urológicas.

A quinta e sexta etapa teve por objetivo atender às pessoas que aguardavam por cirurgia de vesícula, hérnia e ginecológica. Entre os meses de setembro e dezembro de 2022 foram realizadas 215 cirurgias eletivas. A sexta etapa continua em andamento.

Secom*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *