Prefeita Francimara entrega tanque de alevinos e assina ordem de serviço para construção do Núcleo de Controle de Zoonoses (NCZ)

A prefeita de São Francisco de Itabapoana (SFI), Francimara Azeredo Barbosa Lemos, comandou na manhã desta quinta-feira (10) mais dois importantes avanços para o agronegócio: inaugurou o tanque de criação de alevinos, em Imburi, e assinou a ordem de serviço para a construção do Núcleo de Controle de Zoonoses (NCZ), que também será sediado na localidade.

“Com muito carinho, amor e dedicação, continuamos com nossa luta pelas necessidades de nosso município. Com o apoio dos vereadores e da mobilização de todos os órgãos da prefeitura, é nítido o quanto desenvolvemos e crescemos”, afirmou, destacando que, entre as possibilidades geradas pela construção dos tanques, está a venda dos peixes para serem usados na merenda escolar.

Citando outros investimentos na agricultura, como a aquisição de maquinários para a recuperação de estradas usadas no escoamento da produção, a prefeita pontuou que a municipalidade “está fazendo um agronegócio de verdade”. Esse aspecto também foi abordado pelo vice-prefeito, Raliston Souza:

“Nossa luta por um setor agropecuário forte tem se concretizado. Caminhando juntos para o crescimento da cidade, sem dúvidas, teremos uma cidade cada vez melhor. SFI tem potencial para se destacar no Estado pelas riquezas e pelo povo trabalhador”, disse.

Pontuando que a prefeitura tem realizado avanços em diversos setores, o presidente da Câmara Municipal, vereador Maxsuel Cerqueira, contou estar “muito feliz” por sua localidade de origem “receber esse apoio para nosso produtor, que tanto precisa do auxílio do poder público para desenvolver suas atividades”. Também de Imburi, o vereador Renato Roxinho, considerou que a agricultura são franciscana está em “boas mãos”.

Para o secretário municipal de Pesca, Alcemir Gomes, os tanques representam um incentivo para geração de emprego. Ele agradeceu a parceria com outros órgãos municipais na promoção de ações para o setor pesqueiro.

Paralelamente, o secretário municipal de Agricultura, Enaldo Barreto, afirmou que a obra evidencia o respeito com o dinheiro público. “O prédio, que era um depósito, foi reativado como um importante laboratório, com estrutura bem montada, que será crucial para auxiliar na geração de renda dos produtores”, finalizou. Ele informou que a operação do espaço contará com suporte técnico da Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro (Fiperj).

A solenidade contou com a presença de secretários, assessores e vereadores, além do secretário de Pesca de São João da Barra, Marcelo Roger da Silva, e do presidente da Fiperj, Ricardo Ganem, que representou o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, Marcelo Queiroz.

Acompanhado de sua equipe técnica, Ricardo ressaltou que a prefeita Francimara foi uma das primeiras representantes de municípios fluminenses a assinar cooperação técnica com a Fiperj. Segundo ele, consequentemente, SFI será um dos primeiros a ser atendido pelo órgão.

NCZ – Orçadas em R$ 138.115,59, as obras de construção do NCZ estão previstas para serem concluídas em 180 dias. O órgão funcionará atrás do Espaço do Produtor II, que abriga o tanque de alevinos.

De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento, serão 80 m2 de área construída, com quatro salas, sendo uma destinada ao abrigo de animais. O projeto conta ainda com “hall” de circulação para atendimento ao público, além de meios de acessibilidade, como rampas.

AscomSFI*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.