Polícia e MP-RJ fazem operação contra suspeita de estelionato na venda de ingressos do Rock in Rio - Tribuna NF

Polícia e MP-RJ fazem operação contra suspeita de estelionato na venda de ingressos do Rock in Rio

IPTU - Prefeitura de Campos dos Goytacazes

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) fazem uma operação, na manhã desta segunda-feira (5), contra uma mulher suspeita de estelionato na venda de ingressos do Rock in Rio.

Os agentes tentam cumprir mandado contra Lívia da Silva Moura, irmã de Léo Moura, ex-jogador do Flamengo e do Grêmio, que não é alvo da investigação. A suspeita não foi localizada em casa na Freguesia, na Zona Oeste do Rio.

Segundo as investigações, ela usava o fato de ser irmã de Léo Moura para aplicar o golpe e pode ter causado um enorme prejuízo aos organizadores do festival. Só uma das vítimas teria feito uma transferência via PIX para Lívia de R$ 20,8 mil.

“O golpe que ela aplica em várias frentes, ela vende ingressos possuindo contatos lá dentro e repassando os números desses ingressos, sendo que as pessoas compram esses ingressos em sites falsos. Também falsifica ingressos físicos realmente, no caso de cortesias e vouchers também. E esse golpe, no caso em questão de hoje, a Justiça imobilizou R$ 300 mil da conta dela”, afirmou delegado Leandro Gontijo.

De acordo com a denúncia, Lívia prometeu entregar 26 ingressos para vários dias diferentes do festival. A negociação foi feita através de um aplicativo de troca de mensagens e a vítima contou ainda que entregou mais R$ 3 mil em dinheiro para um vizinho da suspeita.

A vítima contou que, após efetuar o pagamento, a irmã do ex-jogador parou de responder as mensagens e atender o telefone.

“As pessoas veem a vantagem, o ingresso mais barato, e acessam o site que possui uma grafia parecida com a do evento, do Rock in Rio, e não é. Compram o ingresso com preço inferior, acham que estão fazendo um bom negócio e, na verdade, não compraram o ingresso e ela subtraiu o dinheiro deles”, afirmou o delegado.

G1*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *