Polícia Civil investiga morte de motorista de Uber com requinte de crueldade em Campos

A Polícia informou nas últimas horas que investiga um crime cometido com requintes de crueldade durante o Carnaval em Campos, cuja vítima foi o motorista de Uber, Thiago Pessanha, de 34 anos. De acordo com a polícia, o motorista atendia a um pedido de corrida para Grussaí, na noite de domingo de Carnaval. O passageiro deveria ser apanhado na Rua Ranulfo Matos Fernandes, bairro Vera Cruz (um bairro perto do Fundão), em Guarus.

O corpo foi encontrado em via pública com mãos e pés amarrados e vários tiros na cabeça, além de vários hematomas no rosto. O carro, dinheiro e carteira de Thiago foram roubados.

Thiago era morador do Parque Prazeres, em Guarus. O caso está sendo investigado por inspetores da 146ª DP/Guarus.

Fonte: Campos24horas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *