Penha recebe o 10º grande mutirão de combate ao Aedes aegypti nesta quinta - Tribuna NF

Penha recebe o 10º grande mutirão de combate ao Aedes aegypti nesta quinta

O bairro da Penha receberá, nesta quinta-feira (22), o décimo grande mutirão multisecretarial de combate ao Aedes aegypti, responsável pela transmissão da dengue, zika e chikungunya. O local escolhido foi em decorrência ao elevado índice de infestação de criadouros e focos do mosquito. A concentração será na Escola Municipal José do Patrocínio, a partir das 9h.

A ação, que agora passa a acontecer a cada 15 dias, deve reunir cerca de 200 agentes do Centro do Controle de Zoonoses (CCZ), além de servidores de outras secretarias e departamentos públicos. “A luta contra o Aedes aegypti é de todos. Portanto, é de extrema importância que as pessoas abram suas casas para que nossos agentes de endemias possam atuar”, orientou o diretor do CCZ, Carlos Morales.

As estratégias para o mutirão compreendem ações educativas, preventivas e de combate com tratamento químico e mecânico. Na força-tarefa serão usados carros fumacês, bombas costal e elétrica para combate ao mosquito na fase adulto (alado).

OUTRAS AÇÕES – Os grandes mutirões tiveram início em 9 de fevereiro, quando a Prefeitura lançou a campanha “Dengue Aqui Não”. A ação já aconteceu no distrito de Travessão, Pecuária, Parque Prazeres, no Jockey Club, Parque Aurora, Jardim Carioca, Parque Imperial, Donana e Campo Limpo.

De janeiro deste ano até o momento, foram registrados 1.891 casos de dengue no município, confirmados laboratorialmente e clínico epidemiológico, destes, sendo um óbito de um idoso em Travessão, além de cinco casos de chikungunya e nenhum de zika. “Nos últimos meses houve uma queda dos casos de dengue no município, considerando os meses anteriores em que o pico foi em fevereiro e março”, destacou Morales.

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *