22/05/2024
Polícia

Pais de menina de 9 anos vítima de estupro são presos pela Delegacia da Mulher de Campos

Policiais da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) prenderam, na tarde desta quinta-feira (18), um casal, pais de uma menina de 9 anos, vítima de estupro e de maus tratos, em Campos. A prisão foi feita depois de uma ordem judicial expedida pela Justiça de Campos e os pais foram encontrados no município de São João da Barra. Eles estavam hospedados em uma pousada e alegaram estarem com medo de manifestações populares e de serem agredidos.

De acordo com a delegada da Deam, Juliana Calife, o inquérito policial apurou que tanto o pai quant a mãe tiveram participam efetiva tanto no crime de estupro quanto de maus tratos. “A criança não tomava banho há cinco dias e não lavava o cabelo há um mês. A vítima contou que ficava em posição fetal enquanto a mãe penetrava o dedo na vagina dela e o pai, penetrava também o dedo ou a mão no ânus. O laudo pericial apontou rompimento de dois centímetros no hímem e alargamento anal “, explicou Juliana.

A vítima recebeu alta médica na segunda-feira e foi acolhida em um abrigo público. A delegada também explicou que o pai negou todas as acusações e a mãe agiu com um comportamento de superproteção à filha, querendo estar com a menina na sala de aula e sendo permissiva na rotina de casa, com alimentação por exemplo.

As suspeitas dos crimes foram identificadas quando a menina deu entrada no Hospital da Unimed, em Campos, no dia 21 de março de 2024. A delegacia, porém, foi informada do caso na semana seguinte, no dia 28 de março e instaurou um inquérito.

Fonte: Ururau

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *