Noroeste Fluminense segue em alto risco para contágio da Covid-19

A 34ª edição do Mapa de Risco da Covid-19, divulgada nesta sexta-feira (11/06) pela Secretaria de Estado de Saúde, mostra que o Noroeste Fluminense se mantém em bandeira vermelha ( alto risco de contrair a doença). No geral, o Estado do Rio de Janeiro manteve a classificação de bandeira laranja (risco moderado) com melhora do cenário epidemiológico em seis regiões. Médio Paraíba, Centro-Sul, Serrana e Baixada Litorânea, que estavam com bandeira laranja na última análise, passam para a amarela (risco baixo de contrair a doença); e Metropolitana I e Baía da Ilha Grande, que estavam com bandeira vermelha (risco alto), estão agora com bandeira laranja. As regiões Metropolitana II (laranja) e Norte (amarela) permanecem com o mesmo cenário.

A análise compara a semana epidemiológica 21 (23 a 29 de maio) com a 19 (09 a 15 de maio) de 2021.

Cada bandeira representa um nível de risco e um conjunto de recomendações de isolamento social, que variam entre as cores roxa (risco muito alto), vermelha (risco alto), laranja (risco moderado), amarela (risco baixo) e verde (risco muito baixo).

Os resultados apurados no levantamento para os indicadores apresentados devem auxiliar a tomada de decisão, além de informar a necessidade de adoção de medidas restritivas, conforme o nível de risco de cada região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *