Mamata da Alerj: reportagem procura por mais um Dauaire que recebe R$ 30 mil de salário

A reportagem sobre a “mamata da Alerj”, revelada pelo RJTV na terça-feira, teve desdobramento no dia de ontem.

*Funcionários da Alerj ganham mais de R$ 18 mil sem trabalhar, entre eles os Dauaire; MP vai apurar

Dessa vez, a reportagem foi atrás de mais um membro da família Dauaire, o ex-prefeito de São João da Barra Betinho Dauaire, pai do deputado Bruno Dauaire, que recebe salário médio de R$ 30 mil.

“Servidor teve 3 meses de férias

Entre os servidores citados na reportagem nesta terça-feira (3), seis tinham sobrenomes conhecidos na política fluminense: Nader, Cozzolino e Dauaire.

Nesta quarta, o RJ2 encontrou mais um servidor com pouca frequência na Alerj. Betinho Dauaire é funcionário da casa, mas somente em 2019 teve três meses consecutivos de férias, sem contar os períodos de recesso parlamentar, nos meses de janeiro e julho.

Questionada sobre a situação de Betinho, que tirou mais de cinco períodos de férias em 2019, a Alerj não respondeu.”

Confira a reportagem:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: