14/06/2024
Campos

Mais de 1.600 imóveis visitados no mutirão desta quinta-feira em Goitacazes

O nono grande mutirão multisecretarial de combate ao Aedes aegypti, realizado nesta quinta-feira (27) em Goitacazes, teve mais de 1.600 imóveis visitados pelos Agentes de Combate às Endemias (ACEs) e outros pontos estratégicos para identificar criadouros e focos do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya. A ação contou com o apoio das secretarias de Obras e Infraestrutura; Educação, Ciência e Tecnologia (Seduct) e Ordem Pública, por meio da subsecretaria de Posturas.

Neste mutirão, foram vistoriados 1.675 imóveis, sendo tratados com aplicação de larvicida 330, incluindo terrenos baldios. Além disso, foram eliminados 71 focos do mosquito e recolhidos 59 pneus e 72 sacos contendo inservíveis. Os Agentes de Combates às Endemias (ACEs) também telaram 2 caixas d’água. Outras ações do CCZ na força-tarefa envolveram as equipes de controle de roedores e peçonhentos.

Goitacazes foi escolhido, pois é o 9º entre os 15 bairros com registro de casos confirmados de dengue, além de infestação apontado no Levantamento Rápido de Índices para o Aedes aegypti (LIRAa), assim como os que já receberam a ação. Na força-tarefa foram usados carros fumacês, bombas costal e elétrica para combate ao mosquito na fase adulto (alado).

“Esses mutirões são muito importantes, porque reúnem várias secretarias que fazem um trabalho em conjunto com o CCZ. A cidade, hoje, está toda mapeada pelo nosso georreferenciamento e estamos fazendo ações de combate e de prevenção nesses locais”, informou o diretor do CCZ, Carlos Morales.

OUTRAS AÇÕES – Os grandes mutirões tiveram início em 9 de fevereiro, quando a Prefeitura lançou a campanha “Dengue Aqui Não”. A ação já aconteceu no distrito de Travessão, Pecuária, Parque Prazeres, no Jockey Club, Parque Aurora, Jardim Carioca, Parque Imperial e Donana.

Secom*

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *