Macaé: Fake News contra profissionais de saúde do HPM vira caso de polícia

A Procuradoria Geral do Município de Macaé registrou ocorrência nesse sábado (27) na 123ª Delegacia de Polícia para apuração pela Polícia Civil de fake news publicada na rede social Facebook sobre o Hospital Público Municipal (HPM). No post publicado na rede social, um cidadão afirma que o HPM oculta informações de pacientes e há suspeita de atos criminosos na madrugada no que se refere a equipamentos respiratórios.

– Após a postagem no facebook, oficiamos o HPM para saber da veracidade das informações, após obter informações pela direção do HPM de que nenhuma procede, entendemos que a notícia veiculada em rede social dando conta dos fatos não é verdadeira e que deve ser apurada pela Polícia Civil na forma da lei, uma vez que fake news é crime. Com isso solicitei ao chefe de gabinete da Procuradoria para ir à delegacia lavar a ocorrência para que as providências sejam tomadas pela autoridade policial, sem prejuízo de outras que tomaremos semana que vem – detalhou o Procurador Geral de Macaé, Fabiano Paschoal.

O HPM informou que não houve nenhuma intercorrência registrada nos livros próprios e que a publicação é falsa. O hospital também afirmou que está à disposição da população para esclarecimentos e mantém absoluta transparência. “O HPM está na luta na pandemia desde o início, os profissionais são muito empenhados, deixando família em casa para poder trabalhar, dar assistência para o macaense e para quem procura nossa unidade, temos recursos e estamos contentes em atender à população com assistência de excelência e qualidade”, pontuou o secretário de Alta e Média Complexidade, Antônio Fábio Tostes Soares.

Ascom Prefeitura de Macaé*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *