Helena Witzel passa mal e é levada para o Hospital dos Bombeiros, na Zona Norte do Rio

A primeira-dama do Estado do Rio de Janeiro, Helena Witzel, passou mal na manhã desta quinta-feira (28) e foi levada para o Hospital Central Aristarcho Pessoa, o Hospital dos Bombeiros, no Rio Comprido, Zona Norte da cidade.

De acordo com fontes, a primeira-dama, que tem 39 anos, teve um pico de pressão e foi levada pelo governador Wilson Witzel para receber atendimento na unidade.

Helena Witzel ficou em observação médica e receberia alta nas próximas horas.

A primeira-dama e o governador foram alvo da Operação Placebo, da Polícia Federal, nesta terça-feira (26), sobre suspeitas de desvios na Saúde do RJ para ações na pandemia de coronavírus.

Segundo a Procuradoria Geral da República (PGR), há “provas demonstrando um vínculo bastante estreito e suspeito entre a primeira-dama Helena Witzel e as empresas de interesse de Mario Peixoto”. Helena Witzel nega irregularidades e diz que informou “regularmente os valores na declaração de imposto de renda do escritório.

Os dois devem prestar depoimento à Polícia Federal na investigação sobre os hospitais. A determinação é do STJ, que pediu a “oitiva imediata dos investigados”. A data dos depoimentos, no entanto, ainda não foi divulgada.

G1*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *