22/06/2024
Esporte

Fluminense dá chocolate no Flamengo e fatura o bicampeonato do Carioca

O improvável aconteceu. Em uma atuação de gala, o Fluminense premiou seus torcedores neste domingo de Páscoa com um verdadeiro chocolate em cima do seu maior rival. Com dois gols de Cano, Marcelo e Alexsander, o Tricolor aplicou uma goleada de 4 a 1 sobre o Flamengo e faturou o bicampeonato do Carioca. É o 33º troféu da competição vencido pelo clube das Laranjeiras.

O resultado coroa o trabalho de Fernando Diniz que conquistou pela primeira vez um título de expressão estadual. Já para Vítor Pereira, a pressão se tornou ainda mais complicada com mais uma taça perdida pelo Flamengo na temporada.

O Fluminense começou a partida em um ritmo muito intenso, pressionando o Flamengo. A primeira grande chance aconteceu aos 14 minutos, Marcelo iniciou a jogada e tocou para Alexsander, o jovem tricolor cortou a marcação e finalizou na trave do goleiro Santos.

Mesmo após a parada técnica, a pressão tricolor continuou. Até que aos 30 minutos, Marcelo fez um belíssimo gol e abriu o placar no Maracanã. O craque recebeu pela direita na entrada da área, fintou a marcação e finalizou sem chances de defesa para Santos.

A vantagem no placar empolgou os tricolores que ampliaram quatro minutos depois. Keno iniciou jogada, Gansou de um passe genial e Cano finalizou, a bola caprichosamente bateu na trave e morreu no fundo das redes do Flamengo.
Antes do intervalo, o Fluminense esteve bem perto de fazer o terceiro gol. Após bela trama pela esquerda, Alexsandre passou pela marcação e finalizou fora, o goleiro Santos fez grande defesa, salvando o Flamengo.

O Flamengo voltou para o segundo tempo com duas alterações. Everton Ribeiro e Matheus França nas vagas de Gabigol e de Léo Pereira. O Rubro-Negro teve uma boa chance logo aos 3 minutos com Fabrício Bruno, mas Fábio fez uma grande defesa.

Porém, aos 9 minutos, Fabrício Bruno colocou a mão na bola dentro da área. Após consulta do VAR, a arbitragem assinalou pênalti. Na cobrança, Cano finalizou mal, Santos defendeu, mas no rebote o argentinou conferiu fazendo o terceiro gol do Fluminense na partida.

Apesar disso, o Tricolor não diminuiu o ritmo. Aos 20 minutos, Cano abriu na direita, Guga soltou a bomba, Santos largou e no rebote, Alexsander soltou a bomba, sem chances de defesa para o goleiro do Flamengo.

Bastante cansado pelo ritmo intenso que impôs durante toda a partida, o Fluminense acabou reduzindo o seu ritmo no clássico. Nos acréscimos, Ayrton Lucas diminuiu o placar, mas apesar disso, o clube das Laranjeiras conseguiu manter a vantagem que garantiu o título.

O Dia*

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *