Datafolha: governo Cláudio Castro é aprovado por 23%; 21% reprovam gestão

Pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira aponta que a aprovação do governador do Rio, Cláudio Castro (PL), é de 23%. Já a reprovação é de 21% , segundo a pesquisa. Para a maioria do eleitorado, 46%, Castro faz uma gestão considerada regular. A margem de erro é de três pontos, para mais ou para menos.

Veja os números da avaliação do governo Castro:

  • Ótimo/ bom: 23%
  • Regular: 46%
  • Ruim/péssimo: 21%
  • Não sabe/não respondeu: 9%

Os dados representam uma boa notícia para o governador, em relação à última pesquisa do instituto, divulgada em abril. Naquele momento, 25% avaliavam a gestão de Cláudio Castro como ruim ou péssima (índice teve queda de quatro pontos percentuais), enquanto 18% viam o governo como ótimo ou bom — ou seja, houve um crescimento de cinco pontos. Outros 44%, também a maioria, entendiam o mandato como regular.

Em busca da reeleição, Castro deve fazer uma campanha alinhada a Bolsonaro, cujos eleitores representam hoje a principal base de apoio ao governador. Os dados do levantamento, inclusive, reforçam essa vinculação, já que a aprovação de Castro é maior entre aqueles que também consideram ótima ou boa a administração do governo federal. Nesse grupo, 47% avaliam o atual governo do Rio como ótimo ou bom.

Ainda assim, ele tem buscado ampliar seu eleitorado de modo a consolidar ainda mais as chances de vitória. Nesta semana, ele confirmou que terá como vice em sua chapa o ex-prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis (MDB), que tem grande influência na Baixada Fluminense, onde se concentram municípios com colégios eleitorais importantes no estado. Além disso, Castro é frequentemente vinvulado, em agendas e ações no estado, com o presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), André Ceciliano, que é pré-candidato ao Senado pelo PT.

O Datafolha ouviu 1.218 eleitores em 32 municípios do Rio de Janeiro entre quarta e sexta-feira desta semana. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo RJ-00260/2022. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%.

Fonte: O Globo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.