Com reserva técnica, SFI garante 1ª e 2ª dose de CoronaVac às gestantes e puérperas com comorbidades

A partir desta segunda-feira (17), São Francisco de Itabapoana (SFI) vai imunizar as gestantes e puérperas que apresentem comorbidades. A decisão ocorreu durante reunião nesta sexta-feira (14) para avaliação do andamento dos trabalhos e definição das diretrizes para as próximas semanas. A imunização ocorrerá graças à reserva técnica de doses da CoronaVac, já que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou a suspensão do uso da AstraZeneca para a vacinação desse público.

No encontro, que contou com a participação do secretário de Saúde, Sebastião Campista, da subsecretaria da pasta, Thayna Rissa, do coordenador do Serviço de Imunização, Cristiano de Souza, e dos enfermeiros coordenadores dos polos do Estratégia Saúde da Família (ESF), foi identificado que o município já conseguiu aplicar a 1ª e 2ª doses em quase 10% da sua população, percentual bem superior à média nacional e do Estado do Rio de Janeiro.
Identificou-se ainda que SFI garantiu a 2ª dose da vacina CoronaVac para todos aqueles que receberam a 1ª dose e ainda conta com uma reserva técnica suficiente para imunizar (1ª e 2ª doses) todas as suas gestantes e puérperas que apresentem comorbidades.

Desta forma, ficou estabelecido que a partir de segunda-feira (17) as gestantes e puérperas com comorbidades do município poderão se dirigir a um dos polos de atendimento para receber a 1ª dose da vacina CoronaVac e agendar o recebimento da 2ª dose, que desde já estará reservada, garantindo assim a sua imunização.

Também a partir de segunda, a Secretaria Municipal de Saúde iniciará a vacinação da população pertencente à faixa etária acima de 55 anos, portadora de comorbidades. Basta comparecer nos polos de atendimento com o documento de identificação e laudo médico atestando a comorbidade.

A prefeita Francimara Barbosa Lemos demonstrou satisfação com os números alcançados pelo município, sobretudo com a maneira responsável com a qual o processo de vacinação vem sendo conduzido.
“Neste momento difícil e de tanta apreensão, é extremamente importante que a população tenha segurança de que conseguirá receber as duas doses e consequentemente ser imunizada. Desde o início do processo de vacinação estamos conduzindo o trabalho de forma responsável, transparente e seguindo as diretrizes estabelecidas pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria de Estado de Saúde. Constatar que nenhum morador do município teve dificuldade para tomar a 1ª e a 2ª dose da vacina indica que o trabalho está no caminho certo”, ressaltou a prefeita.

AsCom SFI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *