27/05/2024
Política

TRE-RJ nega pedido de Cláudio Castro contra propaganda de Rodrigo Neves que diz para ‘não dar match’ no governador

A desembargadora Márcia Ferreira Alvarenga, do Tribunal Regional Eleitoral, indeferiu um pedido de liminar do governador e candidato à reeleição Cláudio Castro contra uma propaganda do candidato Rodrigo Neves. A decisão é da última terça-feira.

A Representação de Castro pedia a imediata retirada de uma propaganda de Neves com um vídeo onde diz para não dar ‘match’ no atual governador.

Narra-se, em apertada síntese, que o primeiro representado teria veiculado propaganda “manifestamente ilegal”, em inserção realizada na tarde do dia 27/8/2022, na rede de televisão SBT, na qual teria sido divulgado vídeo supostamente editado com recursos de montagem com a imagem do rosto de ambos os candidatos e um aplicativo de relacionamentos, “com o único fim de degradar e ridicularizar o candidato adversário”, “pois enquanto ele seria uma pessoa a não dar ‘match’, o candidato Rodrigo Neves seria a pessoa certa a dar ‘match’.“, diz a Representação.

Ao indeferir o pedido, a desembargadora entendeu que não há ofensa contra à honra de Cláudio Castro.

“…A partir dessa premissa, tenho que o conteúdo do vídeo, dentro do contexto em que se construiu a estratégia publicitária, pode até mesmo ser considerado jocoso, irônico e incomodativo, mas nem por isso configurar-se-á como ofensivo à honra do candidato representante, nem será o bastante para influenciar irremediavelmente o eleitorado, como sustenta a narrativa autoral.”, entendeu a desembargadora.

Match

O vídeo faz referência ao aplicativo de paquera Tinder. Nele, quando duas pessoas se interessavam umas pelas outras elas dão match, permitindo que as mesmas possam conversar e quem sabe marcar um encontro.

Confira a decisão:

Alerj

Comente