Tem mais a caminho

Como o blog vem falando desde o início das primeiras denúncias, antes da primeira operação, as coisas no Estado não vão terminar bem.

Venho sempre falando “vem mais por aí”. Basta acompanhar o blog.

Como disse na nota antes da operação Placebo, que teve como alvo o governador, o material apreendido na busca e apreensão durante a operação Favorito dá pra fazer mais quatro anos de Lava-Jato.

A coisa piorou. O depoimento do ex-subsecretário Gabriell Neves, que levou 10 horas falando, só não entregou a própria mãe.

Mais um detalhe: Gabriell Neves é indicação de deputados. Já o ex-secretário Edmar Santos é uma ovelha do rebanho do pastor.

Fontes do blog dizem que tem mais ovelhas cercadas. Mas no meio de tanta gente encrencada não da pra saber que vai dançar na próxima.

Só se sabe, se não houver nenhuma intercorrência, é que a semana que entra vai ser bem animada.

A conferir.

Comente

%d blogueiros gostam disto: