MPRJ abre investigação contra OS responsável pela montagem do hospital de campanha de Campos

A abertura de Inquérito Civil Público para analisar se os Poderes Executivo e Legislativo vêm mantendo a transparência legal relativa às contratações emergenciais, com dispensa de licitação, efetuadas por seus representantes em razão da pandemia do novo coronavírus, teve como alvo principal a contratação da Organização Social IABAS, que foi contratada pelo Estado por R$ 835 milhões para montar e administrar 1.400 leitos de sete hospitais de campanha para atendimento de pacientes do covid-19.

Como mostramos aqui no blog e no Portal Tribuna NF, o hospital de campanha de Campos, com 100 leitos, vai custar R$ 59,6 milhões.

A montagem do hospital de campanha em Campos, que fica no espaço da antiga Vasa, já foi iniciada. A IABAS subcontratou a empresa Feeling Structures, que está montando a estrutura principal e colocará o piso.

É de extrema necessidade a ampliação do número de leitos para atendimento de pacientes infectados pelo coronavírus. Mas é preciso monitorar os gastos do dinheiro público nesse ambiente favorável a desvios.

Confira a portaria de abertura de investigação: Dispensa de licitação ICP hospitais de campanha

Comente

%d blogueiros gostam disto: