Bandeira tarifária nas contas de luz continuará verde em setembro - Tribuna NF

Bandeira tarifária nas contas de luz continuará verde em setembro

A Agência Nacional de Energia Elétrica informou que a bandeira tarifária nas contas de luz continuará verde em setembro, em todo o país. Isso significa que não haverá cobrança extra nas faturas.

“Pelos dados analisados pela área técnica da Agência, permanece a expectativa de que a bandeira se manterá na cor verde até o final de 2023”, informou a Aneel.

A bandeira verde, válida para todos os consumidores do Sistema Interligado Nacional (SIN), reflete a melhoria dos níveis dos reservatórios das hidrelétricas. O SIN, segundo a Aneel, é a malha de linhas de transmissão que leva energia elétrica das usinas aos consumidores.

Entenda

O objetivo desse modelo tarifário — quando a bandeira está amarela ou vermelha — é desestimular o consumo de energia elétrica, com cobranças extras nas contas de luz, quando as condições de geração no país não são favoráveis.

A ideia é evitar o acionamento de usinas termelétricas, que geram energia mais cara, quando os níveis dos reservatórios das usinas hidrelétricas estão baixos, em função da redução das chuvas.

O sistema de bandeiras possibilita que os consumidores conheçam mensalmente a situação da geração de energia. Esse mecanismo foi criado em 2015.

Mantida desde abril do ano passado

A bandeira tarifária passou a ser verde para todos os consumidores brasileiros em 16 de abril de 2022, quando terminou a vigência da bandeira de escassez hídrica, instituída de forma emergencial por conta do baixo nível dos reservatórios das usinas hidrelétricas e da necessidade de acionamento de termelétricas.

Para os beneficiários de baixa renda, que usufruem da tarifa social de energia elétrica e ficaram de fora da cobrança adicional decorrente da escassez hídrica, a bandeira é verde desde dezembro de 2021.

Extra*

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *