Advogado é preso no RJ por suspeita de abusar sexualmente de enteadas desde os 5 anos de idade

Um advogado de 42 anos foi preso em Icaraí, Niterói, na Região Metropolitana do Rio, nesta quinta-feira (2), suspeito de abusar sexualmente das enteadas desde os cinco anos de idade das crianças.

Policiais civis da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima investigaram que o preso cometia os abusos há mais de uma década. Hoje, as meninas têm 13 e 17 anos.

De acordo com as investigações, o pai biológico — que era mantido longe das vítimas propositalmente — foi alertado anonimamente sobre os abusos cometidos pelo advogado. O pai também descobriu relatos no colégio das meninas e até uma denúncia no conselho tutelar de Niterói, que acarretou na investigação policial contra o suspeito.

Ainda segundo os policiais, as meninas disseram que o preso chegou a combinar com elas o que responderiam nos depoimentos das investigações. Elas classificaram o comportamento do padrasto como “extremamente possessivo e agressivo”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *