Marcão: escândalo na contratação de funcionários

O presidente da Câmara Municipal de Campos, Marcus Welber, o Marcão Gomes, contratou e pagou, na condição de ordenador de despesa, no mês de setembro do ano em curso, quando candidato a deputado federal pelo PR, vinte porteiros, com salário de R$ 1.000 cada um, para atuar no prédio do legislativo.

Esse é mais um grande escândalo envolvendo a administração do vereador Marcão na Câmara Municipal.

As contratações poderiam passar por despercebidas se o vereador não fosse candidato a deputado federal.

É provável que haja uma reposta da Procuradoria Regional Eleitoral do Rio de janeiro contra o vereador.

De sua opinião