Wladimir atende servidores e Técnicos de Laboratório, de Farmácia e Instrumentador terão direito a substituições

As categorias de técnico de Laboratório, técnico de Farmácia e Instrumentador Cirúrgico também serão contempladas com o edital de substituições da Prefeitura de Campos, por meio da Secretaria de Administração e Recursos Humanos. Nesta quarta-feira (25), o prefeito Wladimir Garotinho reuniu representantes das três categorias para anunciar que vai encaminhar projeto de lei para a Câmara de Vereadores esta semana, incluindo as categorias. A medida visa oferecer, de forma democrática, a servidores destas áreas a oportunidade de se inscrever para a formação de cadastro de reserva para substituir funcionários que, temporariamente, se ausentem, devido a afastamentos legais que surjam ao longo da validade do edital. O prefeito também anunciou o retorno do auxílio alimentação para um grupo de servidores, que ficou sem o benefício, e reforçou que vai antecipar 50% do 13º salário, que será efetuado no pagamento referente ao mês de junho.

De acordo com o prefeito, o novo modelo de substituições implantado no ano passado é democrático e dá a todos os servidores das categorias descritas em cada edital a oportunidade de se inscrever para o cadastro de reserva. “Agora, é edital. Tem que fazer inscrição e é por ordem de classificação. É justo. Senão, só fariam substituições aqueles que fossem indicados”, disse Wladimir.

O prefeito ouviu as três categorias, que receberam muito bem a notícia das substituições e explicaram as dificuldades pelas quais passam, quando um servidor da mesma função precisa se ausentar. “Tudo que pudermos fazer para atender os servidores, estamos fazendo. Além de atender estas três categorias com as substituições, também estamos fazendo justiça com os Auxiliares de Serviços Gerais (ASGs). Cerca de 560 servidores desta categoria recebem menos de um salário mínimo”.

A técnica de Laboratório Selma Maria Vieira de Almeida, do setor de Microbiologia do Hospital Ferreira Machado (HFM), é servidora há 18 anos e destacou a importância das substituições para o setor. “Na minha opinião foi ótimo porque nós viemos sofrendo há tempo com o setor de Microbiologia sem substituição e, quando tinha alguém de férias ou atestado, o setor ficava sem profissional especializado para dar prosseguimento ao trabalho. Com a substituição, o trabalho não terá descontinuidade para o paciente”, disse a servidora, que comemorou o anúncio do prefeito.

“Essas três categorias precisam e muito das substituições. Então, estamos vendo o prefeito falando com uma linha de sensibilidade e de responsabilidade muito grande sobre um pleito que é justo e, ao mesmo tempo, uma necessidade que atende aos servidores e, também, a população em geral que não fica desassistida quando um servidor precisa se afastar de suas funções devido a afastamentos legais”, declarou o secretário Wainer Teixeira de Castro.

Durante a reunião, o prefeito explicou a impossibilidade de conceder um reajuste neste momento, mas disse que benefícios como o bônus especial, pago no início do ano, e o auxílio alimentação, que retornará para um grupo que havia ficado sem o benefício, podem ser concedidos porque podem ser pagos com recursos dos royalties. “Eu não posso ser irresponsável de anunciar um reajuste agora sem ter uma receita própria compatível porque, de acordo com o Termo de Ajustamento de Gestão (TAG), temos que reduzir o uso dos royalties para pagamento de funcionários até 2024. Depois, não poderemos mais usar esse recurso para esta finalidade”, informa Wladimir.

Leia também: Wladimir Garotinho anuncia metade do 13° para todos servidores e equiparação nos salários dos ASGs

Secom*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.