Witzel se encontra com presidente da Alerj

Wilson Witzel se encontrou com o presidente da Assembleia Legislativa (Alerj), André Ceciliano (PT), horas após a primeira reunião do processo de impeachment do governador, que aconteceu nesta quinta-feira (18).

O encontro não-oficial, segundo apurou o RJ2, foi uma tentativa de Witzel de “acalmar os ânimos”. Entretanto, ele teria saído de lá apenas com a resposta de que terá direito à ampla defesa. O governador ficou no local por cerca de 50 minutos e conversou com oito deputados.

Essa foi a primeira vez que Witzel esteve na Alerj esse ano, exatamente no dia em que a comissão de impeachment foi instalada.

Presidente e relator de comissão

Foram definidos pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) nesta quinta-feira (18) os nomes do presidente e do relator da comissão que irá analisar denúncia que pede o impeachment do governador Wilson Witzel (PSC). São eles: Chico Machado (PSD) e Rodrigo Bacellar (SDD).

A sessão desta quinta também marcou a instalação da “comissão especial”, composta por 25 deputados, de todos os partidos com representação na Casa. Machado e Bacellar foram eleitos por unanimidade e a reunião foi presidida pelo deputado Eliomar Coelho (PSOL), o mais idoso entre os que compõe o colegiado.

“A presidência conclama o resultado. Por unanimidade, foi eleito para presidir os trabalhos da comissão o deputado Chico Machado”, anunciou Eliomar Coelho.

Denúncia

O pedido que pode afastar o governador do cargo foi feito pelos deputados Luiz Paulo e Lucinha, ambos do PSDB, que acusam Witzel de crime de responsabilidade. Na sessão desta quinta, o tucano fundamentou o pedido citando operações do Ministério Público Federal e outras irregularidades já apuradas por autoridades da União e do estado.

Pesa também, segundo Luiz Paulo, a decisão do ministro do Superior Tribunal de Justiça pedindo buscas e apreensões na Operação Placebo, que de acordo com ele mostraram haver “fortes indícios de corrupção com a participação do governador”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *