Vacinação: Saúde de Campos mobilizada para aumentar a proteção de crianças e adolescentes - Tribuna NF

Vacinação: Saúde de Campos mobilizada para aumentar a proteção de crianças e adolescentes

IPTU - Prefeitura de Campos dos Goytacazes

Embora as vacinas do calendário básico da criança e do adolescente sejam aplicadas diariamente nos postos de saúde da rede pública, a imunização infanto-juvenil em Campos ficou abaixo do esperado nos últimos anos e, para melhorar essa cobertura, a Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Subsecretaria de Atenção Básica, Vigilância e Promoção da Saúde (Subpav), vai realizar no próximo sábado (02), no Jardim São Benedito, o Dia D de Vacinação com o tema: Mais vacina, mais diversão!.

Em 2020 e 2021, somente 52,09% e 63,58% das crianças foram vacinadas com a tríplice viral, que previne contra sarampo, rubéola e caxumba. Contra a difteria, tétano e coqueluche, cuja vacina é a tríplice bacteriana (DTP), no mesmo período, foram 34,18% e 47,04% respectivamente. Também não passou de 62% a cobertura das vacinas pneumocócica, meningocócica C e hepatite B.

“Para que exista a proteção coletiva contra as doenças previsíveis por vacina, o recomendável pelo Ministério da Saúde é que a cobertura ideal seja entre 90% e 95%. A baixa adesão às vacinas é uma porta de entrada para essas doenças”, alerta o subsecretário da SUBPAV e infectologista, Rodrigo Carneiro. A cobertura vacinal no município costumava ficar acima dos 90%, como em 2019, por exemplo, a tríplice viral alcançou 103,64%.

Neste ano, até 23 de junho, 40,35% das crianças receberam a vacina tríplice viral e a pneumocócica 45,81%. A meningocócica C alcançou 43,30%. Já hepatite B e a DTP o índice está em 39,71% e 31,59% respectivamente.

Para que o município de Campos, que já foi referência para o Ministério da Saúde ao implementar em 2010 a vacina contra o HPV, volte a registrar índices satisfatórios de imunização e assegurar a proteção de crianças e adolescentes, é que será realizado o Dia D de mobilização municipal.

“Estamos preparando um dia de vacinação com diversas atividades lúdicas para as crianças e adolescentes. O Jardim São Benedito foi escolhido, pois é um lugar onde a família poderá levar o filho para ser vacinado e aproveitar para curtir um dia de lazer juntos”, disse Rodrigo.

Além do Dia D de mobilização, as vacinas do calendário básico são aplicadas em mais de 30 salas de vacinação de segunda a sexta-feira.

O Programa Nacional de Imunizações (PNI) é um dos maiores do mundo, oferecendo imunobiológicos para toda a população. Há vacinas destinadas a todas as faixas-etárias, cuja proteção começa ao nascer, podendo se estender por toda a vida, além de campanhas anuais para atualização da caderneta de vacinação.

Secom*

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *