Saúde implanta Programa Follow Up para bebês prematuros de alto risco, em Campos

O prefeito Wladimir Garotinho lançou, nesta terça-feira (10), no Centro de Referência e Tratamento da Criança e do Adolescente (CRTCA1), o Programa Follow Up, que conta com um ambulatório especializado para atendimento às crianças prematuras de risco após alta hospitalar. Ao inaugurar o consultório, o prefeito vem cumprindo com uma de suas metas administrativas, que é tornar Campos uma referência nos serviços de saúde. O CRTCA1 funciona na Cidade da Criança, na Avenida 28 de Março.

Acompanhado da primeira-dama Tassiana Oliveira e da equipe da Rede de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde, Wladimir Garotinho disse que quer governar para todos. “Nosso papel é olhar para quem precisa da atenção do poder público. Em 8 meses de governo, temos enfrentado muitas dificuldades, mas sei que hoje aqui estamos contribuindo para mudar a realidade de muitas crianças e suas famílias”, afirmou o prefeito.

Uma dessas crianças é o bebê Theo Silva, de 7 meses. O menino nasceu prematuro, e, segundo a mãe, a cozinheira Carina Justino Silva, 26 anos, teve que ficar 21 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Ao receber alta hospitalar, Theo foi encaminhado para o CRTCA1, que, antes do lançamento do Follow Up, só contava com atendimento médico.

Agora, de acordo com coordenadora do Programa de Assistência Integral à Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente (Paismca), Camila Silveira, Theo será acompanhado até os 2 anos de idade por uma equipe multiprofissional, formada por pediatra neonatal, fonoaudiólogo, dentista, nutrólogo, psicólogo, fisioterapeuta e serviço social, enfermagem e terapia ocupacional. O Follow Up está sob a coordenação do Paismca.

Camila explicou que o prematuro já vai sair do hospital com a primeira consulta de avaliação agendada. “Todo bebê que for encaminhado para o ambulatório receberá atendimento integral”, disse. Anualmente nascem 7.500 crianças no município, sendo que mais de 12% são prematuras. O ambulatório vai funcionar de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

O subsecretário de Atenção Básica, Vigilância e Promoção da Saúde, Charbell Kury, acredita que o programa será referência no município. “Sou pediatra e sei o quanto esse atendimento especializado é importante para o bebê que nasce prematuro. Quando ele sobrevive, se não tiver acompanhamento, terá sequelas para toda a vida e dificuldades até para tarefas simples. Enquanto poder público, temos a obrigação de proteger e dar qualidade de vida a essas crianças no futuro”, afirmou.

A primeira-dama Tassiana Oliveira disse que ações como a do lançamento de programas como o Follow Up servem para fortalecer e mostrar que o governo está no caminho certo. “Campos terá um futuro diferente, que está sendo construído por meio da união de forças”.

Subcom*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *