Reforço no transporte municipal gratuito durante a ExpoBarra - Tribuna NF

Reforço no transporte municipal gratuito durante a ExpoBarra

IPTU - Prefeitura de Campos dos Goytacazes

A Prefeitura de São João da Barra vai reforçar o transporte público gratuito municipal nos cinco dias da ExpoBarra, de 11 a 15 de outubro. Não haverá alterações nas linhas convencionais. A novidade fica para o período da noite, no qual a população contará com dois veículos extras para o Parque de Exposições saindo de Barcelos, outros dois do Açu, além de carros extras para Atafona e Grussaí. O planejamento logístico — que envolve também pontos de táxi em frente ao Parque de Exposições Manoel Rangel Pessanha e veículos do transporte alternativo — visa adequar a mobilidade urbana para os visitantes aguardados no evento: a previsão é de 150 mil pessoas.

Pelo planejamento para os dias da ExpoBarra, dois ônibus extras vão sair do Açu às 18h30 — um fazendo a linha direto, enquanto o outro passará por Quixaba e demais localidades. De Barcelos, os dois veículos adicionais vão sair às 20h. De Grussaí, dois ônibus sairão às 18h: um fará a linha via praias, passando por Atafona; o outro, via Sesc. Já às 19h30, serão dois ônibus saindo de Grussaí, passando por Atafona, e mais um, que fará a linha via Sesc. Ao fim dos eventos, às 3h, dois ônibus vão atender cada linha saindo do Parque de Exposições.

Os coletivos utilizados para os horários extras serão da empresa Ouro Negro e estarão devidamente identificados, já que os ônibus conhecidos como “Vermelinhos”, que fazem o transporte municipal gratuito, estarão atuando no transporte das bases de integração até o Parque de Exposições.

São João da Barra é um dos poucos municípios do Rio de Janeiro que conta com o transporte municipal gratuito. O programa contempla todos os distritos do município, com a oferta de cerca de 100 mil passagens gratuitas por mês. Em entrevista recente, a prefeita Carla Caputi revelou que a Prefeitura está elaborando um projeto para ampliar o atendimento à população.

Ascom*

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *