Rafael Diniz assina parceria com Sest/Senat para testes em motoristas profissionais

O prefeito Rafael Diniz assinou na tarde desta terça-feira (2) mais uma parceria com o Sest/Senat. Desta vez, a ação permitirá a realização de até 600 testes de Covid-19 em motoristas profissionais que atuam no município. Motoristas e cobradores do transporte coletivo municipal, além de permissionários do sistema alimentador são o público-alvo da ação.

– Essa é mais uma importante parceria com o Sest/Senat que já vem contribuindo com ações importantes no enfrentamento à Covid-19 desde a iniciativa do Pit Stop Caminhoneiro contra o Coronavírus e agora disponibilizando testes para os motoristas do nosso município – destacou Rafael Diniz.

Os exames serão feitos entre os dias 08 e 12 de junho após agendamento prévio. Somente serão testados os motoristas, que apresentarem a documentação e estiverem agendados. Também haverá distribuição de máscara de tecido reutilizável.

Presidente do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT) e secretário de Desenvolvimento Econômico, Felipe Quintanilha destaca a importância da parceria durante o enfrentamento à Covid-19.

– O Sest/Senat é um parceiro de primeira hora do município. Essa ação é fundamental para que a gente possa ampliar sobre o entendimento da pandemia na nossa cidade. Quanto mais testes, melhor pra entender a doença. Ainda mais se tratando de exames em profissionais que lidam diretamente com milhares de pessoas diariamente. Vai ajudar muito o município no combate à pandemia – disse Felipe Quintanilha.

Os testes foram adquiridos pelo Sest/Senat e não haverá custo para o município. Os agendamentos podem ser feitos através dos números: 2726-8950, 2726-8967 ou 2726-8973. O diretor do Sest/Senat, Marcos Perez, ressalta a importância do agendamento.

– Cada exame será feito com dia e hora marcados para evitar aglomerações na unidade – frisou.

Outra ação – No mês de abril a Prefeitura de Campos, o Sest/Senat em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), concessionária Arteris Fluminense e SinTransportes realizaram o Pit Stop Caminhoneiro contra o Coronavírus. A iniciativa foi pioneira no país e contabilizou 3519 abordagens. Conduzida por agentes Educadores de Trânsito do IMTT, agentes comunitário de saúde da Secretaria Municipal de Saúde e da Guarda Civil Municipal, a abordagem visava à saúde de caminhoneiros, profissionais que, em meio à pandemia, não podem parar para fazer o isolamento social.

Durante o período, caminhoneiros que seguiam pela BR-101 podiam parar em frente à sede do Sest/Senat onde tinham disponíveis área para banho e higienização das mãos. Além disso, também foi verificada a temperatura corporal e serviços de emergência em odontologia, fisioterapia, e orientação em nutrição oferecidos a todos os motoristas abordados. Os caminhoneiros também receberam orientação sobre a prevenção ao coronavírus.

Ascom*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *