Prefeitura de Macaé relata ao Estado doses insuficientes em frascos de vacina contra a Covid-19

A Secretaria Adjunta de Atenção Básica de Macaé encaminhou à Secretaria Estadual de Saúde o relato dos lotes de vacinas contra a Covid-19 que apresentam rendimento insuficiente para a aplicação de 10 doses.

A equipe de imunização da Secretaria de Saúde já cumpre a orientação do Ministério da Saúde em registrar, nos formulários técnicos, o número dos lotes e o quantitativo de doses insuficientes identificadas nos frascos. Os dados serão repassados também à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

“Diversas outras cidades do país também relatam casos de rendimento inferior a 10 doses em lotes de vacinas contra a Covid-19. A nossa equipe segue os critérios adequados de aspiração e aplicação nas campanhas de vacinação, sem que haja prejuízos. A troca dessas informações ajuda a garantir maior transparência sobre o volume de vacinas recebidas pela cidade, e o total de doses efetivamente aplicadas”, explicou o secretário adjunto de Atenção Básica, Luiz Carlos Braga.

Ascom*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *