Prefeito decreta ponto facultativo na segunda-feira (15) em Campos

O prefeito Wladimir Garotinho vai decretar ponto facultativo na próxima segunda-feira (15), em virtude do feriado estadual de Carnaval que, este ano, será no dia 16 de fevereiro. A medida foi tomada levando em consideração o princípio da economicidade porque, neste período, tradicionalmente, não há movimento na área central. Representantes do setor lojista foram ouvidos pela prefeitura e concordam com o ponto facultativo. O secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Marcelo Mérida, ressaltou a importância da interlocução do governo com os setores envolvidos, tomando as decisões sempre amadurecidas e discutidas”.

A decisão do ponto facultativo será publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (11). Os serviços essenciais, como hospitais e Unidades Pré-Hospitalares (UPHs) 24horas funcionarão nestes dias. Devido à pandemia do novo coronavírus e, conforme determinação anterior, não haverá programação de Carnaval no município, para evitar a proliferação do vírus.

Segundo o superintendente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Nilton Miranda, apesar do ponto facultativo do município, “a CDL deixou os lojistas à vontade para abrir ou não seus estabelecimentos”. O diretor financeiro do Sindicato do Comércio Varejista de Campos (SindiVarejo), Roberto Viana dos Santos, também concorda com o ponto facultativo de Carnaval. “Sabemos que, neste período, não tem movimento no Centro e nossa situação é diferente da cidade do Rio, por exemplo”. Segundo o presidente da Associação Comerciantes e Amigos da Rua João Pessoa e Adjacências (Carjopa), Expedito Coleto, em relação ao Carnaval, ele é a favor do ponto facultativo. “Os campistas não estão acostumados a ir ao Centro durante o período de Carnaval. Não é tradição funcionar neste período, as pessoas não têm esse hábito”.

– Os empresários campistas defendem que a abertura do comércio nestes dias não compensaria, considerando que é uma tradição as pessoas viajarem no carnaval, mesmo em época de pandemia. Parabenizamos a decisão do prefeito Wladimir Garotinho, ao decretar ponto facultativo nestes dias. Campos é diferente de outras cidades que vivem do turismo e abrir as lojas representaria mais prejuízos para o setor que acumula prejuízos desde que começou a Pandemia em março de 2020 – destacou o presidente da Associação Comercial e Industrial de Campos (Acic), Leonardo Castro de Abreu.

Para o secretário Marcelo Mérida, o ponto facultativo também representa economia, porque não justifica o funcionamento de órgãos públicos em um dia que não tem movimento na cidade. “Com a pandemia, não haverá programação de Carnaval no município. A orientação é que as pessoas mantenham todos os cuidados de prevenção, não promovam ou participem de aglomerações”, informa o secretário.

Subcom*

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *