Mutirão: Campos realiza cirurgia inédita de prótese de joelho por navegação - Tribuna NF

Mutirão: Campos realiza cirurgia inédita de prótese de joelho por navegação

IPTU - Prefeitura de Campos dos Goytacazes

Foi realizada nesta quarta-feira (19), em Campos, a primeira cirurgia de prótese de joelho por navegação, denominada Artroplastia Total do Joelho (ATJ). O procedimento, inédito no município, beneficiou a paciente Maria Estela Silva, 55 anos, que sofria com uma deformidade no joelho, causada por uma artrose avançada.

A cirurgia, feita na Santa Casa de Misericórdia, foi conduzida pelos ortopedistas André Bousquet e Demétrio Waked. O subsecretário municipal de Saúde, ortopedista Marcos Gonçalves, acompanhou o procedimento, que durou cerca de duas horas, sem nenhuma intercorrência.

Segundo o subsecretário de Saúde, a paciente só conseguiu sair da fila de espera devido ao Mutirão de Ortopedia, lançado oficialmente pelo prefeito Wladimir Garotinho em 02 de junho deste ano. “O Mutirão está colocando o município como um polo de referência em patologias ortopédicas. Essa cirurgia de prótese de joelho por navegação, que é de alta complexidade, era exclusiva dos grandes centros”, disse.

O ortopedista André Bousquet explicou que o sistema de navegação é uma técnica cirúrgica que possui o acompanhamento de um computador e interação de instrumentos manipulados pelos médicos. “Na cirurgia navegada, como é comumente conhecida, o monitor mostra imagens virtuais em dois ou mais planos, apresenta medidas de distâncias e ângulos, dando um posicionamento perfeito onde o cirurgião deve agir”.

Já o também ortopedista Demétrio Waked ressaltou que os sensores colocados no paciente permitem que a cirurgia seja realizada com precisão através de uma incisão menor do que a cirurgia convencional. “Foi graças ao Mutirão que as cirurgias de prótese de joelho voltaram a ser realizadas em Campos”.

Secom*

Alerj

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *